fbpx

Greve em empresa de planejamento de energia entra no quinto dia

Completa hoje (segunda-feira, 09/11) o quinto dia da greve dos trabalhadores da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), do Ministério de Minas e Energia.

A EPE é responsável por planejamentos do setor elétrico, que inclui também estudos sobre a bioeletricidade da biomassa da cana-de-açúcar.

Segundo o Sindicato dos Engenheiros no Estado do Rio (Senge-RJ), a pauta de reivindicações foi entregue em abril, mas a EPE só começou a negociara em outubro. EPE

“O modo como a EPE está tratando o acordo é uma forma de desvalorização dos seus empregados. Querem empurrar um reajuste de 5%, sabendo que a inflação beira os 10% e só tende a crescer. A insatisfação leva ao estado de greve, com coesão e consciência dos trabalhadores de que não tem outra saída. A única forma que temos de obter um acordo satisfatório é através do nosso movimento. Todas as outras tentativas foram esgotadas”, informa, no site do Senge, Agamenon Oliveira, diretor da entidade.

A EPE conta com pouco mais de 300 funcionários.

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

X