fbpx

Governo dá mais prazo para cadastro em leilões de energia. Usinas de cana podem participar

Bagaço: principal biomassa da cana empregada para gerar eletricidade (Foto: Unica/Divulgação)

As usinas termelétricas (UTEs) das companhias sucroenergéticas têm mais prazo para realizar cadastro e participarem de dois leilões de energia que o Governo realizará em dezembro.

Antes, o cadastro precisava ser feito até 13/09 na Empresa de Pesquisa Energética (EPE), do Ministério de Minas e Energia (MME). Agora, o prazo foi prorrogado até 27/09.

As UTEs de biomassa de cana-de-açúcar irão disputar com outras fontes de energia. Os valores do megawatt-hora (MWh) só deverão ser definidos a partir de outubro.

O Ministério definiu também as datas dos dois leilões. Denominados Leilões de Energia Nova de 2017, eles têm duas etapas: a A-4, com entrega da energia contratada a partir de janeiro de 2021, está programado para 18/12.

Já o A-6, com entrega da energia contratada a partir de janeiro de 2023, está programado para o dia 20/12.

Conforme o MME, com essas datas o agente gerador que pretenda participar dos Leilões de Energia Nova pode conhecer o resultado do Leilão de Transmissão, previsto para ocorrer dia 15/12, e assim possa ter mais informações quanto  às obras de transmissão necessárias para escoamento da energia.

 

Clique aqui para ler a Portaria 353, do MME, que detalha os procedimentos dos leilões.

Clique aqui para ler a Portaria 293, também do MME, com mais informações.

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X