fbpx

Governança, Risco e Compliance da CMAA está estruturada em 4 pilares

Jeferson Degaspari, CFO do grupo apresenta quais são

Vale do Tijuco é uma das três unidades controladas pelo Grupo CMAA

De acordo com especialistas do setor a relevância do GRC (Governança, Risco e Compliance) nas usinas de cana é atingida quando executada através de alguns conceitos fundamentais. Primeiramente, ela deve integrar e aperfeiçoar os processos da unidade produtora. Ao mesmo tempo que cria uma cultura corporativa que engaja os colaboradores com os objetivos da usina, como é o caso do que acontece no Grupo CMAA.

ENTENDA > 4 passos para garantir rentabilidade à usina através de GRC

Posteriormente, é preciso sustentar a competitividade do negócio. Ao passo que o processo integrado deve reduzir custos, desperdícios e aumentar gradativamente a produtividade. Nesse ínterim, também é possível crescer verticalmente. Fazendo mais com menos.

SAIBA MAIS > Saiba como a São Domingos converge a GRC em rentabilidade financeira

Juntamente com essas práticas é necessário que haja uma conversão dos processos em rentabilidade comercial e financeira. Pensando especificamente nesse momento da safra o gestor de GRC deve focar nos pontos determinantes para os preços desta entressafra e da safra do ano que vem (2021/22).

LEIA MAIS > GRC eficiente deve resultar em uma boa estratégia comercial
Degaspari, da CMAA

Ao passo que avaliando esses aspectos, o case de GRC do Grupo CMAA é consideravelmente relevante. Atualmente o profissional por trás dessas ações é Jeferson Degaspari, CFO do conglomerado de usinas. Ele explica o porquê. De acordo com Degaspari a Governança, Risco e Compliance da CMAA está estruturada em 4 pilares fundamentais que constituem os resultados positivos. São eles:

  • Pessoas;
  • Performance operacional;
  • Gestão de risco;
  • Inovação, criatividade e agilidade.
Diretores de usina debatem as melhores estratégias de GRC

Sob a moderação do diretor da ProCana Brasil, Josias Messias, esses quatro gestores executivos debateram o tema dia 19 de agosto durante o Webinar JornalCana – GRC – Melhores Estratégias para Garantir a Rentabilidade das Usinas Nas Próximas Safras.

Assista o debate completo no vídeo abaixo:

Este Webinar contou com o patrocínio das empresas:

HB Saúde — Humanização e Tecnologia em Saúde

Pró-Usinas – Empresa do Grupo ProCana focada em tecnologia e inovação de resultados para as usinas

S-PAA Soteica – Software de RTO que maximiza a cogeração e a eficiência industrial, instalado em mais de 40 usinas e gerando ganhos superiores a R$ 1/TC. Veja mais em www.usina40.com.br.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

4 × três =

X