JornalCana

Goiás atrai investimentos em açúcar e álcool

O Estado de Goiás tem projetos da ordem de R$ 720 milhões para a construção de 11 novas usinas de açúcar e álcool, de acordo com a Secretaria de Indústria e Comércio de Goiás. Se concretizados, o Estado poderá mudar seu perfil no setor sucroacooleiro, tornando-se umas regiões mais promissoras do Centro-Oeste.

Hoje, o Estado tem pouca participação no cenário sucroalcooleiro do país. A produção de cana é de cerca de 13,5 milhões de toneladas, mas poderá dobrar nos próximos anos, se os investimentos forem confirmados, segundo Igor Montenegro, presidente do Sindicato da Indústria de Fabricação de Álcool e Açúcar do Estado de Goiás (Sifaeg).

A área plantada com cana no Estado abrange 200 mil hectares. Segundo

Montenegro, o setor pode avançar sobre as áreas de pastagens, que hoje

ocupam cerca de 5 milhões de hectares.

Além da possibilidade de expansão, Goiás ainda tem terras baratas, o que atrai os empresários do Nordeste e do Centro-Sul do país para a região. A logística também é privilegiada, uma vez que permite o escoamento para os portos de Santos (SP) e Vitória (ES), explicou Montenegro.

Segundo Sérgio Duarte, da gerência de promoção da Secretaria de Indústria e Comércio, os projetos devem sair do papel no curto prazo. A usina São João (Araras), Vale do Verdão e o grupo Cotril estão interessados em construir novas unidades no Estado.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram