fbpx

Feicana/FeiBio: Santal mostra kit de Colheita de Muda

A Santal Equipamentos, de Ribeirão Preto, colocou em exposição na Feicana/FeiBio 2008, que está sendo realizada em Araçatuba, SP, um kit de Colheita de Mudas. Por ser o único produto desenvolvido exclusivamente para a colheita mecanizada de mudas, o Kit mostra vantagens em relação ao sistema das colhedoras tradicionais.

O equipamento posssui proteção de borracha em todos os pontos de impacto do equipamento; atrito zero no transporte da cana do corte de base ao picador; apoio total na superfície superior e inferior em contato com a cana, reduzindo drasticamente a danificação das gemas e cana; velocidade de operação normal; mais uniformidade em tamanho de toletes; regulagem de tamanho dos toletes por meio de válvula variável; e ainda a possibilidade de colheita para matéria-prima industrial por pequeno período.

Os kits já foram vendidos para usinas como Guaíra, Cerradinho, SantelisaVale e Guarani e também para os fornecedores: Grupo Andrela e Grupo R&R. O lançamento do Kit ao mercado aconteceu em uma reunião sobre plantio mecanizado do Grupo de Motomecanização (GMEC) realizada em novembro de 2006 na Usina Equipav. A Santal saiu na frente da concorrência ao mostrar os resultados do seu Kit com base em filmagens internas da máquina em operação.

Plantio Mecanizado

O plantio mecanizado vem sendo adotado como única opção disponível e factível, já que o plantio manual exige grande volume de mão-de-obra, que em muitas regiões já se mostra inviável e indisponível. Entretanto, o plantio mecanizado ainda tem um custo maior do que o manual por exigir um maior número de mudas, cerca de 4 a 6 toneladas a mais por hectare do que o plantio manual.

Para solucionar este problema, a Santal desenvolveu o Kit de Colheita de Mudas para a premiada colhedora de cana picada Santal Tandem. Isso por que, de acordo com o Grupo de Motomecanização, cerca de 80% dos danos causados à gema no sistema colhedora-transbordo-plantadora são causados pela colhedora.

“Com estas mudanças, a Tandem está apta para o corte de mudas com excelente aproveitamento de gemas para plantio, com menor impacto nas gemas e colmos da planta”, explica Arnaldo Adams Ribeiro Pinto, diretor-presidente da Santal. O tempo de substituição da colhedora tradicional para a colocação do kit é em média de 12 horas.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X