Fenasucro & Agrocana

Pequenas e médias empresas terão área ampliada na Fenasucro & Agrocana

Espaço dedicado ao Arranjo Produtivo Local Metalmecânico será três vezes maior em relação à edição passada

Pequenas e médias empresas terão área ampliada na Fenasucro & Agrocana

Com o objetivo de ajudar no desenvolvimento local do setor sucroenergético e, assim, contribuir para o surgimento de novos serviços e tecnologias em prol da transição energética, pequenas e médias empresas do APL (Arranjo Produtivo Local) Metalmecânico participarão mais uma vez da Fenasucro & Agrocana, de 13 a 16 de agosto, em Sertãozinho – SP. Pelo segundo ano consecutivo, até dez empresas estarão em um estande coletivo como parte de um projeto de incentivo e subsídio para a participação de indústrias da cidade e da macrorregião de Ribeirão Preto.

A iniciativa tem gestão feita pelo Ceise BR e apoio do Sebrae e Senar. Na 30ª edição do evento, o estande coletivo ocupará uma área quase três vezes maior. Ao todo, serão 102 metros quadrados, que permitirão que todas as empresas do coletivo estejam presentes nos quatro dias da feira. Na edição de 2023 as apresentações foram em sistema de rodízio.

“A proposta do Sebrae e do Senar é oferecer aos pequenos e médios empresários do setor, a oportunidade de acessar a um evento tão importante para apresentar suas soluções ao mercado”, diz o consultor do Sebrae, especializado em processos, Adriano Bardella Monteiro.

A seleção das participantes está em andamento e o projeto envolve a oferta de toda a infraestrutura para a exposição, montagem, aluguel de piso e mobiliário, além de 29 horas de atendimentos individualizados para melhorias da gestão de pessoas e marketing das empresas.

“Vamos trabalhar as entregas técnicas nos atendimentos como o grande diferencial e projetamos um aumento de 20% no faturamento das empresas participantes”, adiantou Monteiro.

Mercado
Para o consultor do Sebrae, o crescimento do setor sucroenergético é nítido, com grandes oportunidades de novos mercados e novos produtos, destacando-se a energia.

“O Brasil está à frente desse desenvolvimento, temos no etanol a solução da energia renovável que está sendo amplamente debatida. A cada dia somos mais reconhecidos pela implementação dos pilares do ESG. O segmento é um grande gerador de riquezas por meio da geração de postos de trabalho, do desenvolvimento tecnológico e do impacto que gera ao redor de cada usina”, afirma o profissional. “A maturidade do segmento é um diferencial, esta matriz energética tem como base o respeito ao ser humano e ao meio ambiente. Conscientes dessa importância, oferecemos a oportunidade aos pequenos e médios empresários do APL Metalmecânico de Sertãozinho de estarem inseridos nesse cenário”, completa.

Credenciamento
O credenciamento on-line para a edição de 30 anos da Fenasucro & Agrocana já está aberto, é válido para visitantes, imprensa e assessorias e pode ser feito por meio do site www.fenasucro.com.br.

Banner Evento Mobile