fbpx

Etanol de milho deve render R$ 400 milhões em ICMS ao Mato Grosso

Informação é de diretor de entidade do setor

R$ 400 milhões é quanto a produção de etanol de milho deve gerar de arrecadação para o governo do Mato Grosso durante 2020.

A estimativa é de Jorge dos Santos, diretor do Sindicato das Industrias Sucroalcooleiras de Mato Grosso (Sindalcool), divulgada pelo portal G1.

O montante financeiro equivale ao Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

Segundo Santos, em 2015, quando a produção de etanol de milho começou a crescer no MT, foram arrecadados R$ 25 milhões em ICMS.
Já em 2018, o executivo destaca que os cofres do governo receberam R$ 80 milhões com o imposto.

 

Leia também: 

Alta eficiência na produção de açúcar é essencial mesmo com mix mais alcooleiro

 

Plantas em obras

Conforme o Sindalcool-MT, hoje o Mato Grosso tem 3 plantas produtoras de etanol de milho em construção em Sorriso, Sinop e Campo novo do Parecis.

Há também outros cinco projetos de construção de novas usinas em Nova Marilândia, Campo Novo do Parecis, Nova Mutum, Jaciara e Vera.

Além deles, Santos disse ao G1 existirem  outros sete projetos em estudo em Primavera do Leste, Barra do Bugres, Campo Novo do Parecis, Nova Olímpia, Alto Garças, Alto Taquari e Cáceres.

A estimativa é de que cada indústria gere cerca de 250 empregos com salários que variam de médio a alto.

Um dos fatores que colaborou para o crescimento do etanol de milho, segundo Jorge, foi o aproveitamento do DDG – grãos secos por destilação.

“O que está impactando a utilização do milho na produção é o DDG e não o etanol em si. Na cadeia leiteira o DDG aumentou em 14% a produção, então está até sobrando'”, disse na entrevista.

“É mais barato transportar 280 kg de DDG a 42% de proteínas, do que 1.000 kg de milho.”

Com o crescimento dessa produção, o estado deve exportar o produto para outros estados por meio de vias ferroviárias, para que o etanol não seja desperdiçado nas estradas.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X