fbpx

Etanol conquista os hermanos! Veja nest post

A produção de bioetanol na Argentina no primeiro semestre de 2015 teve aumento significativo publicado pelo INDEC — Estatística e Censos Instituto Nacional.

caña-de-azucar-2-tucumanDados do Instituto mostram que o aumento foi de 25,7%. A produção total foi de 359,2 milhões de litros, em comparação com 285, 7 milhões de litros no primeiro semestre de 2014. Outra análise, publicada pelo Departamento de Economia da Câmara de Comércio de Rosário, com base de dados a partir do último relatório da (United States Department of Agriculture) USDA sobre biocombustíveis, afirma que a produção de 15/16 de etanol na Argentina vai crescer, junto com o consumo.

A projeção é que em 2016 a produção alcance 800 milhões de litros e em 2017 atinge 900 milhões. O consumo interno em 2016 subirá 35% em relação a 2014.

Leia mais: Brasil importará energia da Argentina e do Uruguai. Quem irá pagar?

De acordo com o USDA, a ascensão obedece às boas margens no setor, porque os produtores vendem para as companhias de petróleo a preços oficiais e estes aumentar razoavelmente a oferta. Para especialistas argentinos, se os números forem confirmados, será um recorde de produção nacional, porque em 2014 a produção Argentina foi 670 milhões de litros.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X