fbpx
JornalCana

Estudo do BC detalha avanço da cana em Goiás

Relatório do Banco Central (BC) revela a importância do setor sucroenergético para a economia de Goiás, cujo Produto Interno Bruto (PIB) cresceu em média 4,8% ao ano, no período de 2005 a 2014, enquanto no mesmo período o aumento médio do PIB do País ficou em 3,4%.

Conforme o relatório do BC, o bom desempenho da economia goiana foi impulsionado, principalmente, pelo dinamismo do comércio, da indústria de transformação e do setor de outros serviços.

O crescimento foi sustentado, em grande parte, pelo crescimento da indústria alimentícia, com destaque para a ampliação das instalações industriais de abates de aves e suínos e da indústria sucroalcooleira, que entre 2007 e 2013, aumentou de 40,4% para 47,3%.

Leia mais: Econ investe em dutos em Goiás

Novos investimentos sinalizam retomada do setor de cana

Grupo francês assume térmica a biomassa em Goiás

cana_de_acucar4

Cana

 

Conforme o BC, a participação da produção agrícola de Goiás atingiu 7,7% no total nacional de 2013. A participação média do estado no valor da agricultura nacional registrou média de 6,5%, de 2004 a 2013, ante 4,9% do decênio anterior.

A cana-de-açúcar é a cultura que mais cresceu nos últimos dez anos, impulsionada pela demanda do etanol (24%), conforme o estudo, divulgado pelo portal Goiás Agora.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram