fbpx

“É preciso sair na frente em tecnologia, e não esperar”

Esperar significa perda financeira, diz diretor da Atvos

Teixeira, diretor da Atvos: quando se trata de tecnologia, é preciso sair na frente

Diante as inovações tecnológicas disponíveis para o setor sucroenergético, a empresa precisa sair na frente.

“Antigamente, no setor, quando se tratava de inovação e tecnologia havia um mote e perguntava-se: quem está usando?”, diz José Carlos Teixeira, diretor de tecnologia industrial da Atvos.

Segundo ele, era comum primeiro esperar os resultados de empresas para depois ir atrás. “Hoje isso não é mais permitido”, atesta.

“Sair na frente, buscar captura de resultados, faz toda a diferença”, emenda. “Esperar significa perder dinheiro no longo prazo.”

“A empresa precisa ser uma parceira de novas tecnologias, tem de ser cobaia”, diz.

“Há, sim, visão de riscos de processo, mas aí é preciso ter a chave reversa: se algo der errado, só voltar”, afirma.

Teixeira fez palestra nesta quinta-feira (24/10), em Ribeirão Preto (SP), no segundo e último dia do Seminário Brasileiro Agroindustrial (SBA).

Realizado pela Sociedade de Técnicos Açucareiros e Alcooleiros do Brasil (STAB) Regional Sul, o evento tem apoio em divulgação do JornalCana.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X