fbpx

É possível superar resultados através das pessoas

Quatro executivos de RH detalharam como as usinas estão neste sentido

Os profissionais de gestão de pessoas podem potencializar seus resultados, buscando uma gestão eficiente e capaz de alavancar a produtividade dos colaboradores e seus resultados mesmo durante o cenário pandêmico. Além disso, podem demonstrar como é preciso fazer tudo com muito mais dinamismo, prontidão, flexibilidade e adaptabilidade.

Isso tudo foi evidenciado durante o Webinar JornalCana – A Gestão de Pessoas com a Pandemia e a Transformação Digital realizado pelo JornalCana nesta quarta-feira (15). O evento digital faz parte da série Quartas Estratégicas, moderada pelo diretor da Procana, Josias Messias.

O protagonismo e a vez do RH diante de um desafio global foi tema da apresentação de Beatriz Resende, consultora organizacional e conselheira de carreira na Dra. Empresa.

Beatriz Resende, da Dra. Empresa

“Diante de um cenário global de transformações e disrupturas em diversos âmbitos, requerendo adaptações e reinvenções de todas as partes, o foco do RH assume um protagonismo no futuro e na reconstrução das organizações, do mercado de trabalho e da sociedade”, afirmou.

Beatriz citou a importância de uma gestão eficaz da comunicação como ferramenta de interação, conexão, criação e obtenção de resultados baseados em sinergia e colaboração. E destacou o papel fundamental dos líderes dentro do “novo normal”, atuando no papel de agentes de mudança como suporte aos desafios do negócio.

Ao fazer uma contextualização de cenários, a profissional concluiu ressaltando que o desafio agora é trabalhar a humanização e a tecnologia que devem caminhar juntas neste processo de transformação.

Leston, da Tereos

Carlos Leston, diretor de Recursos Humanos da Tereos, disse que o fato da empresa ter 48 plantas em 13 países e operações em 18 países, proporcionou uma reação mais ágil à crise. “Aprendizado coletivo e propósito fazem diferença na vida das pessoas e das usinas. Temos provado disso aqui na Tereos”, assegurou.

Com comitês de crise implantados em todas as unidades, a safra na Tereos começou com duas prioridades: proteger a saúde dos colaboradores e garantir a continuidade da produção.

Leston comentou sobre pontos de atenção que estão fazendo diferença nas ações de RH das usinas da companhia e ressaltou que a pandemia exigiu um novo olhar sobre a vida e as relações pessoais e profissionais.

“Antes andávamos na corda bamba entre o sucesso e o fracasso profissional, agora andamos na corda bamba entre a vida e a morte. A pandemia trouxe um despertar para o lado humano; um novo olhar sobre cuidar de si e do outro; a buscar por um propósito, intensificado pelo sentimento de finitude”, explicou, comentando que, o resultado disso virá com uma transformação silenciosa e aceleração da transformação digital, como já vem ocorrendo.

Cibely Silva, da Cerradinho Bio

Cibely Silva, gerente de RH/Comunicação da Cerradinho Bio destacou que as pessoas têm muito potencial para superar resultados.

“Mesmo em cenários adversos como os de hoje, de pandemia, o trabalho realizado aqui na Cerradinho demonstra que é possível superar resultados através das pessoas, especialmente através do desenvolvimento das lideranças”, comentou.

A gerente contou que a empresa vem há três anos investindo em um plano para se tornar a “melhor empresa para se trabalhar”. “Deixamos bem claro para as pessoas que é muito importante a felicidade e os líderes conseguiram passar isso muito bem a todos”, disse.

Neste contexto, as ações têm refletido na performance dos colaboradores. “As nossas pessoas se sentem seguras, estão felizes e geram valor”, afirmou, comentando sobre as iniciativas desenvolvidas pela companhia na pandemia.

Entre elas, fortaleceram os canais de comunicação, intensificando o uso das plataformas digitais, com lives com o presidente, comunicados via whatsapp, feedbacks de iniciativas, ginástica laboral e happy hour digital.

“E temos o RH como business partner efetivo. O time funciona ao lado do líder, apoiando, influenciando, levando informação precisa e esse formato tem dado resultados positivos e o orgulho de pertencer à empresa tem se fortalecido”, ressaltou.

Wesley Martinez, gerente de Recursos Humanos da Diana Bioenergia, encerrou o webinar destacando o modelo de RH implantado pela companhia durante a COVID-19. “Acredito que todos nós estamos em linha em relação às medidas durante a pandemia e o que vem pela frente. Além, é claro, do impacto disso no papel do RH do futuro”, disse.

Martines, da Diana

O profissional acredita que o principal patrimônio que  uma usina tem são as pessoas e que a gestão financeira e gestão de pessoas devem ter a mesma importância dentro de uma organização.

Martinez afirmou que a Diana Bioenergia leva a sério seus valores, que são ética, transparência, comprometimento, confiança, competência, meritocracia, respeito à SSMA e os desenvolve junto às competências individuais e coletivas.

Também comentou que a empresa segue no processo de transformação digital, com várias etapas já implementadas, como no caso do jurídico que já é todo digital.

 O webinar foi patrocinado pela S-PAA Soteica – Software de Otimização em Tempo Real que maximiza a cogeração e a eficiência industrial, gerando ganhos superiores a R$ 1/tc em mais de 40 usinas instaladas e pela Pró-Usinas, uma empresa do Grupo ProCana focada em trazer tecnologia que gera resultados para as usinas.

Assista na íntegra: 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

19 − sete =

X