fbpx

Dona de usina, Glencore entra também na área de distribuição de combustíveis

A trading suíca Glencore, controladora da sucroenergética Glencane Bioenergia S/A, entra também na área de distribuição de combustíveis.

A empresa formalizou na sexta-feira (29/06) a aquisição de 78% da Alesat, detentora da rede de postos Ale. A negociação depende agora de aval do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), mas posiciona a trading suíça no mesmo campo de companhias sucroenergéticas que também operam como distribuidoras, caso da Raízen, joint-venture da Cosan e da Shell.

O valor da transação não foi divulgado. Os demais 22% da Ale ficam nas mãos de Marcelo Alecrim, um dos fundadores da companhia.

A Ale Combustíveis é a quarta maior distribuidora de combustíveis do Brasil, com cerca de 1.500 postos de combustíveis em 22 Estados do Brasil, além de cerca de 260 lojas de conveniência.

Mais sobre a negociação

Leia a seguir comunicado divulgado pela Alesat:

A Glencore Energy (Glencore), por meio de sua subsidiária no Brasil, assinou o contrato para aquisição de 78% da ALE Combustíveis (ALE). A conclusão da operação estará sujeita à aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Com 22 anos de história, a ALE é fruto da união da ALE Combustíveis com a Satélite Distribuidora de Petróleo e ocupa hoje a quarta posição no ranking das distribuidoras de combustíveis no Brasil. Possui uma rede de aproximadamente 1.500 postos em 22 Estados e cerca de 260 lojas de conveniência.

Após seu recente investimento no setor de distribuição de combustíveis mexicano, por meio da G500, o investimento da Glencore Energy na ALE representa um marco no mercado brasileiro de combustíveis. O investimento proporcionará à Glencore uma plataforma sólida para aproveitar as significativas oportunidades de crescimento no setor, sendo que a maior parte do aumento da demanda deverá ser suprido por importações.

O investimento da Glencore fortalecerá a ALE, proporcionando uma plataforma para maior participação no mercado e a oportunidade para a empresa melhorar seus serviços, logística e operações, beneficiando consumidores e revendedores.

Marcelo Alecrim, um dos fundadores da companhia, continuará liderando os negócios, com participação de 22% na empresa e assumirá a posição de Presidente Executivo do Conselho de Administração da ALE.”

Mais sobre a Glencane 

A subsidiária sucroenergética da trading suíça, a Glencane Bioenergia S/A, controla a Usina Rio Vermelho, localizada em Junqueirópolis (SP).

Criada em 2007, a usina Rio Vermelho tem capacidade de produção de até 1,3 milhão de toneladas de cana-de-açúcar.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X