JornalCana

Dólar abre em leve baixa, vendido por R$ 3,383

O dólar comercial abriu esta manhã em leva queda de 0,05%, vendido por R$ 3,383 e comprado por R$ 3,373.

Se por um lado os investidores continuam cautelosos pelas expectativas de que a guerra contra o Iraque seja mais longa que o esperado, por outro existe otimismo no mercado em relação às contas fiscais do governo brasileiro e à aprovação das reformas.

Em relação ao primeiro ponto, o governo deve divulgar hoje que o setor público (União, Estados e municícipios) conseguiu, pelo segundo mês consecutivo, obter um superávit primário (receitas menos despesas, excluídos pagamentos de juros) próximo a 7% do PIB em fevereiro.

A informação é do ministro Antônio Palocci (Fazenda), que ontem também desmentiu o presidente do PT, José Genoino, sobre o adiamento da tramitação do projeto de autonomia do Banco Central para 2004.

Já o otimismo com as reformas foi alimentado pelo próprio presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ontem, ele disse que o governo apresenta suas propostas de reforma previdenciária e tributária em abril.

Todos esses fatores positivos só não estão gerando euforia maior no mercado devido à guerra. Surpreendido pela resitência iraquiana, os EUA decidiram ontem enviar mais 120 mil soldados ao golfo Pérsico, um claro sinal de que a guerra ainda deve estar longe de terminar.

Outro indicador de que o conflito será duradouro foi dado pelo próprio presidente George W. Bush, que ontem disse: Vai demorar o quanto demorar. Não é uma questão de prazo. É uma questão de vitória.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram