fbpx
JornalCana

CTC recebe Toyota para debater sobre inovações tecnológicas do setor bioenergético

Encontro destaca o papel estratégico da ciência da cana para produção de biocombustível

O presidente da Toyota do Brasil, Rafael Chang, e membros da diretoria da empresa foram recebidos hoje na sede do Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) com objetivo de conhecer as inovações tecnológicas que estão sendo desenvolvidas pela companhia visando o incremento da produtividade da cana-de-açúcar e sustentabilidade do setor bioenergético.

Participou do encontro o presidente do Conselho de Administração da Copersucar e do CTC, Luís Roberto Pogetti.

Segundo Viler Janeiro, diretor de Operações do CTC, a empresa tem um papel importante no desenvolvimento de tecnologias que elevam exponencialmente a produtividade da cana no Brasil, consolidando o etanol como um dos principais agentes de descarbonização do planeta.

“Empregamos técnicas de melhoramento genético avançado e biotecnologia para desenvolver variedades mais produtivas e adaptadas aos diferentes ambientes de produção.

Para atingir este objetivo, a companhia conta com uma equipe técnica altamente qualificada, além de 25 estações experimentais espalhadas por todo o país”, disse Viler.

LEIA MAIS > Câmara aprova MP que regulamenta tributação sobre venda direta de etanol

Para Rafael Chang a visita é um passo muito importante para reafirmar a importância de combustíveis como o etanol, que podem ajudar na redução do carbono no mundo.

“Na Toyota acreditamos que, para o Brasil, o caminho da eletrificação começa pelos veículos que têm a tecnologia híbrido flex por duas principais razões – a infraestrutura está pronta e não requer investimentos; e o etanol é uma realidade, gera emprego e renda no país.”

Além disso, segundo Chang, o Brasil tem etanol em abundância, que é uma tecnologia limpa.

“E o biocombustível é o que menos emite CO2 se olharmos em todo o seu ciclo de vida. Por isso, esse tipo de debate com empresas como a CTC, enriquece ainda mais o tema e traz luz ao potencial do etanol no país”, conclui Rafael Chang

 

 

 

 

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram