fbpx

Correções e esclarecimentos

A propósito da reportagem publicada por este jornal em 10 de julho com o título “Bolha do álcool começa a desinflar”, a Dedini Indústria de Base divulgou nota, segundo a qual, a demanda do mercado sucroalcooleiro permanece normal e que a empresa não registra adiamentos representativos, nem suspensão de projetos.

A empresa esclarece que produz equipamentos para cerca de 50 usinas e entregou este ano 21 destilarias, 53 ternos de moenda, 32 dornas e 24 reservatórios de etanol. A direção da empresa acrescenta que opera a capacidade plena e que recebe consultas que nem sempre resultam em negócios.

Nota da redação: Na matéria foi informado que a Dedini implanta 50 usinas e que quatro contratos foram adiados (o equivalente a moagem de 12 milhões de toneladas), conforme dados fornecidos pelo vice-presidente executivo da Dedini, Sérgio Leme dos Santos. A tendência de alguns investidores adiarem seus projetos foi confirmada pela empresa concorrente e por analista de mercado.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X