fbpx
JornalCana

Consumo de combustíveis de CicloOtto deverá crescer 7% nesta safra

Estimativa é do ItaúBBA

Com os elevados preços do etanol hidratado desde o início da atual safra e as cotações do açúcar caindo nas últimas semanas, o biocombustível passou a ser mais rentável à usina comparado com o adoçante. Mesmo assim, o ItaúBBA, em seu boletim mensal, o Radar Agro, acredita que o impacto na mudança de mix será pequeno.

“Há uma grande preocupação em relação ao volume de cana da safra atual, que mesmo sendo consenso que o clima seco terá impacto nesta safra, a quantificação da produtividade ainda tem grande variação entre os players do mercado”, afirma o banco.

Segundo o relatório, considerando os fatores climáticos que têm influenciado negativamente o volume de cana disponível na safra 2021/22 e as fixações de açúcar já realizadas, o total de etanol a ser produzido, mesmo com o incremento da produção proveniente do milho, deverá ser menor que o da safra 2020/21.

“Esse cenário somado ao avanço da vacinação no país e à aceleração da economia local, nos faz projetar um aperto relevante no balanço do produto no Brasil. A nossa estimativa é que o consumo de combustíveis de CicloOtto deverá crescer 7%”, destaca o ItaúBBA.

Quanto aos preços da gasolina na bomba, a perspectiva é de que os valores deverão seguir a cotação internacional, cenário que aponta para pouco espaço para quedas relevantes do valor do combustível fóssil em relação aos patamares atuais.

Essa nossa visão se apoia na internalização dos preços internacionais com base nas curvas futuras de petróleo e de câmbio. Assim, os preços da gasolina na bomba tendem a oscilar em patamares acima de R$ 5,30/l ao longo de toda a safra, o que implicaria em uma cotação na usina ao redor de R$ 2,90/l.

LEIA MAIS > BMW testa motor a etanol para seu carro elétrico

“O risco para esse cenário está atrelado à uma nova onda pandêmica, o que ainda não pode ser descartado e poderia reduzir as cotações do petróleo, ou uma valorização mais abrupta do real Importação de etanol dos EUA”, afirma o banco.

Vale lembrar que na semana passada foi noticiada a possibilidade do governo dos Estados Unidos diminuir a mistura de etanol à gasolina e de biodiesel ao diesel. Embora, a notícia não tenha sido confirmada até o momento, já trouxe impactos nas cotações de soja e milho, e caso este fato se torne realidade, os efeitos podem ser direcionados ao etanol e para exportação para o Brasil. Atualmente, as importações de etanol pelo Brasil provenientes dos EUA têm tarifa de 20%.

“A paridade de importação dos Estados Unidos para o Brasil encontra-se fechada, em função dos altos preços do etanol americano, da tarifa de importação e do câmbio. Entretanto, a nossa análise de cenários mostra que preços de etanol abaixo de USD 1,770/galão e taxa de câmbio inferior a R$ 4,55/USD poderia abrir arbitragem de importação para o CS considerando os preços atuais do etanol anidro em SP de R$ 3,25/l. Entretanto, a curva futura de etanol, por exemplo, aponta preços superiores a esse patamar ao longo da safra”, conclui o banco.

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram