fbpx

Confira 3 usinas bem-sucedidas na gestão de ativos e manutenção industrial

Gestores das usinas Biosev, Lins e Caeté apresentam detalhes, que incluem metodologias TPM e Matricial

Excelência na manutenção em usinas de cana garante disponibilidade e produtividade do ativo

Podemos definir a gestão de ativos e manutenção industrial em usinas de cana como as boas práticas utilizadas pelos gestores de usina para extrair o máximo de valor das máquinas, equipamentos e processos industriais da companhia. Já o papel da manutenção industrial consiste num conjunto de práticas que busca planejar e manter instrumentos e máquinas em pleno funcionamento e também evitar a ocorrência de acidentes que afetem os colaboradores ou o meio-ambiente. Sendo assim, neste tipo de gestão devem ser considerados todos os controles necessários para garantir a disponibilidade industrial da unidade produtora.

Destaque > Já sabe o que é Usina 4.0? Gestores de usinas explicam

Profissionais qualificados para a gestão de ativos e manutenção industrial em usinas de cana são bem valorizados. Pois experiência e competência são critérios fundamentais para o êxito. Neste sentido, apresentamos três casos bem-sucedidos gestão de ativos e manutenção industrial em usinas de cana, onde o resultado pode ser mensurado não só através de números, mas também pelo engajamento das equipes responsáveis. Confira:

TPM é ferramenta para sustentar disponibilidade industrial

André Teixeira, da Usina Lins, onde o TPM passou a englobar todos os setores da empresa, estabelecendo um sistema de gestão totalmente integrado

O programa de manutenção produtiva total (TPM) é um método focado na disponibilidade e produtividade do ativo. A princípio, seu objetivo é atingir a máxima eficiência dos sistemas de produção. E ao mesmo tempo ampliar o ciclo de vida de máquinas e equipamentos da usina de cana, proporcionando uma gestão de ativos eficiente. É o que está acontecendo na Usina Lins, onde o conceito de TPM maximiza a disponibilidade industrial da unidade produtora, garantindo uma gestão de ativos e manutenção bem-sucedida.

A metodologia TPM busca a falha zero, a quebra zero das máquinas, o defeito zero dos produtos e perda zero no processo, sendo composta por 8 pilares”, explica André Teixeira, gerente de divisão industrial da Usina Lins. De acordo com ele, o TPM passou a englobar todos os setores da empresa, estabelecendo um sistema de gestão totalmente integrado, focando o atendimento às diretrizes do negócio da empresa, passando a contribuir com todos os setores.

Moendo metas e extraindo resultados

Segundo Teixeira o programa de excelência operacional implantado na Usina Lins tem como bordão: moer metas e extrair resultados. O gerente de divisão industrial oferece mais detalhes sobre como a TPM maximiza a disponibilidade industrial . “O incremento na disponibilidade industrial é de 1% no 1o ano. Mas nosso projeto é para três anos. Nisso, em três anos queremos buscar eficiência de 99%. Sendo que no ano 1, em relação ao ano de 2019, pretendemos suportar nosso ganho de disponibilidade industrial em 1% e até 2% em três anos. Trabalhando com o desafio de buscar até 99%”, anuncia.

Caeté poupou 350 mil reais com o economizador da caldeira

André Enders, da Caeté, que teve faturamento adicional de cerca de 430 mil reais graças a gestão de ativos

Outro exemplo de sucesso na de gestão de ativos e manutenção em usinas de cana vem da região Nordeste do Brasil. Trata-se da Usina Caeté – Matriz que poupou 350 mil reais com o economizador da caldeira. Além disso, prolongou vida útil do equipamento para uma expectativa de cerca de cinco anos.

Quem conta é o gerente de manutenção mecânica da Usina Caeté – Matriz, André Enders. De acordo com ele, a usina reduziu aproximadamente 350 mil reais e há duas safras não troca o economizador da caldeira. “Nos trazia transtorno ao longo da safra e todas as entressafras nos trazia um custo de manutenção elevado pela necessidade de substituição de parte desse economizador”, expõe Enders.

Ele acrescenta que a gestão de ativos e manutenção em usinas de cana é também extrair o máximo de valor para organização que o ativo pode oferecer. “Claro que para que isso ocorra é necessário uma manutenção adequada. Mas o processo de aquisição de uma máquina industrial é um processo de múltiplos passos a ser feito com calma e de forma adequada”, conclui. 

Gestão matricial na manutenção aumenta eficiência industrial

Leandro Kaster, da Biosev onde a gestão de ativos sustenta a alta disponibilidade industrial

A gestão matricial é um modelo de gestão em que as relações de subordinação estão configuradas numa estrutura de matriz, isto é, os colaboradores estão afetos a uma subordinação dupla. A estrutura matricial é uma combinação de dois tipos de estruturas diferentes. Fatores que fazem com que o Grupo Biosev esteja se destacando por sua eficiência. Isso graças aos resultados industriais da atual safra. Atuação matricial na gestão da manutenção trouxe elevada eficiência industrial e moagem consistente. Isso tudo apoiando-se na alta disponibilidade industrial.

“Para elevar e sustentar nossos resultados industriais, de forma controlada e padronizada em todas as nossas oito unidades, fazemos uma atuação matricial na gestão da manutenção industrial, que também se integra com a gestão de processos industriais e uso massivo de ferramentas da “Industria 4.0”, justifica o gerente corporativo de operações industriais da Biosev, Leandro Kaster.

Webinar apresentou detalhes sobre a gestão de ativos e manutenção em usinas de cana

Ficou interessado em conhecer mais detalhes dos cases acima? Os profissionais das usinas Lins, Caeté e Biosev apresentaram detalhes sobre a gestão de ativos e manutenção em usinas de cana durante o Webinar JornalCana – Maximização da Gestão de Ativos e Manutenção Industrial. O evento online foi transmitido ao vivo na quarta-feira, 22 de julho, com o patrocínio das empresas:

Pró-Usinas – Empresa do Grupo ProCana focada em tecnologia e inovação de resultados para as usinas

S-PAA Soteica – Software de RTO que maximiza a cogeração e a eficiência industrial, instalado em mais de 40 usinas e gerando ganhos superiores a R$ 1/TC. Veja mais em www.usina40.com.br

Assista o vídeo na íntegra: 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

12 + sete =

X