fbpx
JornalCana

Comercialização do etanol anidro tem alta de 10,53%

Volume vendido em janeiro foi de 810,05 milhões de litros

Na segunda metade do mês de janeiro, a venda de etanol pelas unidades produtoras da região Centro-Sul para o mercado doméstico e o externo somou 1,36 bilhão de litros.

Essa é a primeira quinzena na safra 2020/2021 marcada pelo avanço no volume comercializado em mercado interno frente a um mesmo período da safra 2019/2020: foram 1,25 bilhão de litros neste ano contra 1,23 bilhão de litros no mesmo período do ano anterior – crescimento de 1,64%. Já as exportações foram de 105,04 milhões de litros na quinzena.

No acumulado de janeiro, as vendas de etanol pelas unidades produtoras atingiram 2,61 bilhões de litros, sendo 2,46 bilhões de litros destinados ao mercado interno e 146,72 milhões ao mercado internacional.

A venda de etanol hidratado para atender a demanda doméstica atingiu 1,65 bilhão de litros em janeiro deste ano, ante 1,76 bilhão no mesmo mês de 2020.

O volume comercializado de etanol anidro, por sua vez, alcançou 810,05 milhões de litros no primeiro mês de 2021, registrando aumento de 10,53% na comparação com igual período do ano passado.

“O aumento do volume comercializado de etanol anidro pelas unidades produtoras reflete a capacidade destas de atender o patamar necessário para a mistura obrigatória na gasolina, o que reduz a necessidade de importação do biocombustível”, explica o diretor técnico da UNICA, Antonio de Padua Rodrigues.

LEIA MAIS >  Moagem no Centro-Sul alcança 597,63 milhões de toneladas

No acumulado desde o início da safra 2020/2021 até 1º de fevereiro, a venda de etanol pelas empresas do Centro-Sul acumula retração de 9,24%, somando 25,92 bilhões de litros. Desse total, as exportações concentram alta de 43,49%, totalizando 2,36 bilhões de litros, e as vendas de mercado interno registram redução em torno de 12,46%, atingindo 23,56 bilhões de litros.

O volume total comercializado de hidratado ao mercado interno desde o início da safra 2020/2021 até 01 de fevereiro de 2021 retraiu 16,83%, atingindo 16,16 bilhões de litros, contra 19,43 bilhões de litros registrados no mesmo período do ciclo anterior.

O álcool destinado a finalidades sanitizantes e industriais mantém trajetória ascendente, com aumento das vendas em 14% durante a segunda quinzena de janeiro. O total comercializado desde abril de 2020 até 1º de fevereiro de 2021 atingiu 1,09 bilhão de litros, volume 31,16% superior ao registrado até mesma data da safra 2019/2020 (834,80 milhões de litros), e 8,89% maior do que o total vendido durante todo o último ciclo agrícola (1,01 bilhão de litros).

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram