JornalCana

Combustível não deve subir, diz ministro

A Petrobras não deverá repassar para os preços dos combustíveis a alta do barril de petróleo. Nos últimos dias, o preço ultrapassou US$ 30 por barril, nível que não era alcançado desde fevereiro de 2001. Segundo o ministro Francisco Gomide (Minas e Energia), a Petrobras será “conservadora” na sua política de preços.

Para Gomide, a empresa “saberá avaliar a conveniência de mexer em preços numa época de relação cambial irrealista”. O ministro lembrou que a resolução aprovada pelo CNPE (Conselho Nacional de Política Energética), dando poderes para a ANP (Agência Nacional do Petróleo) intervir na formação de preços dos derivados, foi uma advertência que vale para todos os combustíveis.

Para o ministro, a Petrobras saberá ler a resolução do CNPE. “Tenho confiança absoluta no discernimento e na capacidade de tomar decisões acertadas da Petrobras.” (Folha de SP)

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram