fbpx

Com Covid-19, consumo global de açúcar deve cair em quase 2 milhões de toneladas

Queda estimada é de 5%

Foto: Ulrike Leone/Pixabay

O consumo global de açúcar neste ano deve cair em quase 2 milhões de toneladas, prevê a trading Czarnikow.

Motivo: a pandemia da Covid-19 (novo coronavírus) irá reduzir o uso geral do adoçante em países com medidas de isolamento para conter a doença.

Sendo assim, a trading corta em 5% a projeção para o consumo de açúcar em países como China, Alemanha, França, Itália e Coreia do Sul.

A informação está disponível no portal da Czarnikow (para cadastrados) e foi destacada pela Reuters.

 

Leia também: 

Número de usinas certificadas no RenovaBio vai a 49

 

Consumo estável

A trading projetava aumento de 1% no consumo global do adoçante antes da pandemia da doença.

O consumo, no entanto, deverá ficar estável em 172,4 milhões de toneladas nesse ano, conforme a empresa.

“Nós provavelmente vamos estender essas reduções a outros países se/quando eles aumentarem suas medidas de isolamento”, disse a trading para a Reuters.

Desta forma, a empresa aponta que  novas reduções na projeção para o consumo global são possíveis.

 

Déficit robusto

Para a Czarnikow, apesar da redução no consumo ainda é esperado robusto déficit global de açúcar em 2019/20, de cerca de 10 milhões de toneladas.

Por fim, esse déficit, conforme a empresa, deve desaparecer na nova temporada, que começa no fim de setembro.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X