fbpx

COFCO detalha investimentos para ampliar produção de etanol

Marcelo Andrade, Global Head, participou da 19ª Conferência Datagro

A COFCO investe para ampliar a produção de etanol em suas quatro unidades produtoras localizadas no interior paulista.

A maior produção de biocombustível exige aportes porque as unidades têm o perfil açucareiro, ou seja, estão mais capacitadas para produzir o alimento.

Marcelo Andrade, Global Head da COFCO (CEO), explica que a empresa investe na implantação de duas novas colunas de destilação.

Com esse aporte, a empresa aumentará em 10% o mix para o etanol na safra 20/21.

Na temporada 19/20, o mix é de 47% para o etanol e 54% para o açúcar.

Com o aporte, no próximo ciclo irá para 57% para etanol. “Depois iremos para 63%“, disse.

Moagem maior

Fora o investimento em novas colunas, a COFCO, segundo Andrade, ampliará a moagem na 20/21.

As unidades produtoras sairão das 15 milhões de toneladas processadas na 19/20 para 16,5 milhões de toneladas.

Andrade não acredita que o açúcar volte a ser competitivo para o setor. Há muita oferta na Índia e o mercado está muito achatado.

“Hoje o cenário é o etanol”, disse ele.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X