fbpx

CNA apoia Frente Parlamentar do Setor Sucroenergético

Criada em 2013, para levar as principais demandas do setor às diversas instâncias do poder público, a Frente Parlamentar pela Valorização do Setor Sucroenergético foi relançada hoje, (dia 7), na nova legislatura, presidida pelo deputado Sérgio Souza (PMDB/PR). A Frente também atua para estimular os debates, especialmente no parlamento, em torno da cadeia produtiva da cana-de-açúcar.

Para o presidente da Comissão Nacional de Cana-de-Açúcar da CNA, Ênio Fernandes, “a Frente cumpre papel decisivo, junto com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) de incentivar o investimento no setor e promover mais renda para o campo”. Nesse sentido, segundo Fernandes, são altas as expectativas da CNA com relação à atuação da Frente.

O presidente da Frente Parlamentar pela Valorização do Setor Sucroenergético, deputado Sérgio Souza, lembrou o protagonismo do Brasil na produção de energia limpa e a participação efetiva de combustíveis renováveis na matriz energética do país, o que reforça o compromisso com a sustentabilidade ambiental. Segundo Souza, apesar do Brasil estar na vanguarda da produção energética com responsabilidade ambiental, “o setor sucroenergético foi deixado em segundo plano pelo governo nos últimos anos”, o que justifica, em sua visão, o relançamento da Frente Parlamentar.

O Brasil é o maior produtor mundial de cana-de-açúcar, com 400 unidades industriais e 70 mil produtores independentes de cana-de-açúcar, responsáveis pela geração de mais de 1 milhão de empregos diretos, distribuídos por cerca de 20% dos municípios brasileiros, e por um PIB de mais de US$ 40 bilhões e exportações anuais da ordem de US$ 15 bilhões.

(Fonte:CNA)

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X