fbpx

CMAA amplia área de cana e produz mais açúcar e etanol em 2019

Empresa controla 2 unidades e iniciará as operações da terceira

Foto: Arquivo

A Companhia Mineira de Açúcar e Álcool (CMAA) ampliou em 8,5% a área cultivada com cana-de-açúcar.

São atualmente 85,968 mil hectares ante 79,268 mil hectares em 2018.

Controladora de duas unidades produtoras em Minas Gerais (as usinas Vale do Tijuco e Vale do Pontal), a CMAA prepara-se ainda iniciar as operações da Usina Canápolis, também em Minas.

As informações sobre ampliação de área canavieira estão na apresentação dos resultados de produção e de desempenho financeiro da Indoagri (Grupo Salim – Indofood).

Trata-se de grupo de Jacarta, Indonésia, sócio em 50% da CMAA.

Os demais 50% são do Grupo JF Citrus.

 

Leia também: 

Centro busca soluções eficazes para o controle de pragas e doenças da cana

 

Área cultivada com cana-de-açúcar

Produção de etanol avança

A CMAA avançou na produção de etanol em 2019. Foram produzidos 11% mais diante o desempenho de 2018.

Ao longo do ano passado, as duas unidades da empresa produziram 321 milhões de litros, contra 290 milhões de litros no ano anterior.

A produção de açúcar também cresceu em 2%.

Em 2019, as unidades chegaram a 298 mil toneladas, ante 291 mil toneladas em 2018.

Já a moagem de cana cresceu 8%.

Foram processadas 6,095 milhões de toneladas em 2019, ante 5,618 milhões de toneladas em 2018.

 

Desempenho operacional da CMAA:

Clique aqui para acessar pdf (em inglês)

do relatório da IndoAgri

 

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

2 × cinco =

X