JornalCana

Chuvas na primeira quinzena de setembro reduzem moagem no Centro-Sul

Padua: condições climáticas  foram piores do que as da primeira estimativa
Padua: moagem alcançou 403,81 mi ton

A colheita de cana-de-açúcar pelas usinas e destilarias do Centro-Sul foi severamente prejudicada pelas chuvas intensas registradas nas principais regiões produtoras na primeira quinzena de setembro.

Com isso, a quantidade esmagada nesse período atingiu apenas 29,58 milhões de toneladas, queda de 25,93% em relação ao valor registrado na mesma quinzena de 2014 (39,93 milhões de toneladas) e expressiva retração de 37,39% no comparativo com o volume processado na segunda metade de agosto deste ano (47,24 milhões de toneladas).

No acumulado desde o início da safra 2015/2016 até 15 de setembro, a moagem alcançou 403,81 milhões de toneladas, contra 412,62 milhões de toneladas registradas na mesma data da safra anterior.

O diretor Técnico da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), Antonio de Padua Rodrigues, explica que “o volume final de cana-de-açúcar a ser processado na safra 2015/2016 vai depender do ritmo de moagem observado no Estado de São Paulo nos próximos meses, pois a moagem está bastante atrasada”. A quantidade de cana-de-açúcar processada pelas unidades paulistas até o momento está 20 milhões de toneladas aquém do índice verificado na safra 2014/2015, explica Rodrigues.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram