fbpx

China rumo ao topo na importação de açúcar

Maior importador do agronegócio brasileiro, sobretudo pela hegemonia na compra de soja, a China amplia agora a sua participação na importação de açúcar nacional. Em 2011, os embarques da commodity apartir do Brasil ao país asiático cresceram 70% em volume, para 2,1milhões de toneladas, rendendo mais de US$ 1,2 bilhão. Com isso, aChina passou de sexto maior importador de açúcar brasileiro em 2010para a segunda posição em 2011, atrás somente da Rússia, tradicional líder nesse ranking.

As altas taxas de crescimento e o avanço da urbanização do país asiático justificam o movimento que tende a ser ampliado ano a ano, diz o CEO da maior exportadora brasileira da commodity, a Copersucar, Paulo Roberto de Souza. Ele aposta que a China deve se tornar “a nova Rússia” para o açúcar brasileiro, ou seja, assumir a liderança entre os maiores importadores. “Os russos que buscam autossuficiência em açúcar, devem continuar reduzindo suas compras, enquanto as dos chineses vão aumentar, com o consumo crescente de industrializados”, avalia.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X