fbpx

Cachaça ganha feira mundial

A cachaça terá neste ano a sua primeira feira internacional, que terá a participação de empresas, produtores e entidades do setor de diversas partes do Brasil. A Federação Nacional das Associações dos Produtores de Cachaça de Alambique (Fenaca), com o apoio do Programa Brasileiro do Desenvolvimento da Cachaça (PBDAC), promove, de 23 a 26 de abril, a Brasil Cachaça 2003, no Expo Barra Funda, em São Paulo.Em 2001, as exportações de cachaça atingiram 10 milhões de litros.

A meta do PBDAC é exportar, até 2010, 38 milhões de litros. Atualmente, a Alemanha e o Paraguai representam, juntos, 46% das exportações brasileiras de cachaça. Itália (9%), Portugal (6%), Bolívia (5%) e Chile (5%) são os outros grandes importadores.Terceiro destilado mais consumido no mundo e o mais consumido no Brasil – e segundo lugar entre as bebidas alcoólicas do País, perdendo apenas para cerveja -, a cachaça ganhou maior força para ingressar no mercado internacional quando foi inserida entre os produtos que receberam dos ministérios do Desenvolvimento, das Relações Exteriores e da Agricultura apoio especial em sua estratégia de exportação.

Com isso, a cachaça, incluída no Programa Especial de Exportações (PEE), recebe o suporte da Agência de Promoção de Exportações (Apex), que tem levado os produtos a inúmeras feiras no exterior. Além disso, o ex-presidente Fernando Henrique assinou decreto para registrar internacionalmente o nome cachaça e a indicação geográfica Brasil como indicativos do produto brasileiro. ( Gazeta Mercantil )

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X