fbpx

Bunge de olho na Vale do Rosário

A multinacional Bunge também está de olho na Cia. Vale do Rosário, de Morro Agudo (SP), e fez uma proposta para comprar uma participação de no mínimo 51% até 100% da empresa, segundo Junqueira Franco, vice-presidente da Vale.

Segundo Franco, a proposta da Bunge foi apresentada ontem durante reunião entre os acionistas da usina. Na mesma reunião, outras duas propostas foram feitas. Uma delas seria a compra de 100% das ações da Vale pelo Grupo Cosan e, outra, a injeção de recursos de fundos de investimentos aos acionistas interessados em manter a usina nas mãos de seus atuais controladores.

Na próxima terça-feira, uma nova reunião entre os acionistas irá discutir as propostas colocadas na mesa.

Ontem, os controladores da Vale do Rosário conseguiram uma liminar na Justiça suspendendo a realização de uma reunião convocada para hoje pelo grupo de acionistas detentores de 50,2% do capital da empresa e que pretende fazer negócio com a Cosan. Este grupo de acionistas promete recorrer da decisão judicial.

A direção da Vale do Rosário tem até o dia 26 de fevereiro para exercer o direito de compra das ações, por conta do estatuto da empresa.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X