fbpx

Bunge amplia cogeração em 38%

A Bunge Brasil, controlada pelo grupo americano de agronegócio e alimentos, ampliou em 38% a cogeração de eletricidade a partir da biomassa em 2014, na comparação com o ano anterior.

Leia mais: Bunge registra lucro líquido de US$ 263 milhões

Unidade da Bunge: cogeração em alta
Unidade da Bunge: cogeração em alta

Com o aumento, a companhia gerou, a partir do bagaço da cana-de-açúcar, 968 gigawatts-hora (GWh), atingindo o equivalente a 100% da produção de energia elétrica consumida em seus processos industriais por oito usinas de cana-de-açúcar.

Leia mais: Bunge embarca açúcar certificado para o exterior

A informação acaba de ser divulgada nesta quarta-feira (03/06) pela Bunge em relato de sua 12ª edição do Relatório de Sustentabilidade.

Segundo a companhia, a quantidade de energia gerada a partir da cana é capaz de abastecer 480 mil residências no período de um ano, considerando-se a média do consumo residencial no país.

As oito unidades sucroenergéticas da Bunge no Brasil: Pedro Afonso (TO), Monte Verde (MS), Ouroeste (SP), Guariroba (SP), Moema (SP), Itapagipe (MG), Frutal (MG) e Santa Juliana (MG).

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X