fbpx

ANP revoga outorga de unidade hibernada da Biosev

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) oficializou a revogação de outorga à Biosev Bionergia S. A. referente a unidade Jardest, localizada no município de Jardinópolis (SP). A unidade está hibernada desde 2014.

A Jardest integra o grupo de 12 unidades sucroenergéticas controladas pela Biosev, que pertence a Louis Dreyfus Company.

Em ato, o superintendente de refino, processamento de gás natural e produção de biocombustíveis da ANP, Rubens Cerqueira Freitas, oficializa a revogação da autorização 325, de 18/03/2013, outorgada à Biosev referente a planta produtora de etanol Unidade Jardest.

A unidade tem capacidade de produção de 400 metros cúbicos de etanol hidratado e 200 metros cúbicos de etanol anidro.

A revogação da outorga, segundo Freitas, foi requerida pela própria companhia sucroenergética.

Em março de 2014, Rui Chammas, presidente da Biosev, explicou para a então jornalista do JornalCana Andréia Moreno, que a hibernação da Jardest “tem o objetivo de fazer com que a empresa gere um caixa positivo ainda nesta safra [2014/15].”

“Ela [a Jardest] é uma usina pequena dentro do nosso portfólio. Dado o seu tamanho e condições de mercado, não estava gerando caixa da maneria que gostaríamos, então a decisão é mantê-la hibernada até as coisas melhorarem”, disse Chammas para a jornalista.

Na oportunidade, para minimizar o impacto que a anunciada hibernação da Usina Jardest pudesse trazer aos colaboradores da unidade, a Biosev transferiu parte de seus colaboradores para outras usinas da Companhia.

Segundo a assessoria da Jardest, dos cerca de 720 funcionários fixos da empresa, aproximadamente 250 pessoas foram recolocadas profissionalmente em outras unidades do Grupo.

A cana-de-açúcar da Usina, que estava em período de manutenção industrial, foi transferida para empresas do Pólo de Ribeirão Preto, como a Santa Elisa, Vale do Rosário e MB, segundo a assessoria.

A hibernação da Jardest realocou seus ativos biológicos para as unidades próximas da Companhia, aumentando a taxa de utilização da capacidade instalada.

 

 

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X