Viralcool entra firme na era da Usina 4.0

A exemplo de outros grupos, Viralcool decide implantar tecnologia RTO logo em duas unidades produtoras
Equipe industrial da Viralcool – Castilho e representantes da Pró-Usinas

A Viralcool é reconhecida no mercado como um modelo de gestão familiar competente. Um trabalho sério que conquistou outros setores, multiplicou oportunidades e fortaleceu a economia das regiões nas quais a empresa atua.

LEIA MAIS > Cerradão maximiza a condensação do conjunto de geração de vapor através de RTO

Atualmente, a empresa produz cana, açúcar, etanol, energia e levedura em três unidades produtoras, localizadas em Sertãozinho, Pitangueiras e Castilho, todas no estado de São Paulo. Na safra 20/21, o grupo processou 6.952.951 toneladas de cana em suas três unidades obteve números recordes na produção de açúcar, com 10.496.699 sacas produzidas.

LEIA MAIS > Bioenergética Aroeira reduz consumo de vapor e aumenta significativamente sua receita com bioeletricidade
Josias Messias, da Pró-Usinas com diretoria da Viralcool

Agora, em plena expansão de sua produção, a exemplo de outros grupos e usinas que recentemente entraram no processo de transformação digital, como a Bioaroeira, Cerradão, Colombo e outras, a companhia vem investindo forte no aumento da eficiência industrial e optou por implantar o software S-PAA de Otimização em Tempo Real (RTO) nas unidades Pitangueiras e Castilho, avançando na jornada de transformação digital de forma simultânea. O sistema está  sendo implantado na versão Full, que envolve a parte da cogeração,  utilidades e também processos.

LEIA MAIS > Colombo comemora resultados da gestão industrial inteligente

A unidade de Pitangueiras é uma planta bastante eficiente e o S-PAA vai permitir capturar melhor essa eficiência e aproveitar as oportunidades do mercado, como maior flexibilidade no mix de produção e aumento na exportação de bioeletricidade, principalmente porque as estimativas de preços do MWh para o ano que vem continuam altas, assim como do bagaço.

LEIA MAIS > TAMANHO NÃO É DOCUMENTO!
Messias, da Pró-Usinas, com diretor industrial e diretor administrativo financeiro da Viralcool

Já na unidade de Castilho, está em implantação uma nova UTE com potência de 30MW para operação já no início da safra 22/23. O uso do S-PAA vai permitir a redução da curva de aprendizagem, trazer estabilidade de vapor ao processo e, conforme o cenário, exportar o máximo possível ou economizar bagaço para o momento mais oportuno.

LEIA MAIS > Road Show da Transformação Digital visita a Usina Santa Adélia

“Neste momento de bons preços, tudo que pudermos capturar na eficiência industrial é considerado dinheiro direto no caixa da usina. Após acompanharmos os diversos cases bem-sucedidos do S-PAA, e com o apoio irrestrito da diretoria e das equipes industriais, optamos por implantar o software inicialmente nas unidades de Pitangueiras e de Castilho. Estamos seguros quanto aos benefícios proporcionados pela ferramenta, como maior eficiência energética, redução de perdas, estabilidade ao processo e crescimento à equipe”, afirma Nadir Nascimento Júnior, gerente industrial corporativo da Viralcool.

Representantes da Pró-Usinas e equipe industrial da Viralcool

“Somos pautados pela eficiência em todas as áreas, pois quem não é eficiente na produção não sobrevive”, afirma Ricardo Toniello, diretor administrativo financeiro do grupo, ao justificar a implantação do S-PAA nas duas unidades do grupo.

LEIA MAIS > Eficiência energética maximiza produção de açúcar e etanol

“É o curso natural, têm operações que o ser humano não consegue fazer, esse é o caminho. Implantar inteligência artificial na gestão e na operação das duas unidades, é a cereja do bolo. Observamos os resultados obtidos em diversas usinas que já possuem esta ferramenta e esperamos capturar ganhos significativos com o projeto”, acredita Ricardo.

RTOS-PAAS-PAA SoteicaViralcool