Publicação discute bioprocessos para produção de biocombustíveis

Do evento promovido pela Embrapa sobre acesso ao patrimônio genético microbiano, prospecção e engenharia genética de microrganismos, além de bioprocessos para produção de biocombustíveis e químicos renováveis foram extraídos temas reunidos e recém publicados em artigos nos “Anais do Simpósio Nacional de Microrganismos em Agroenergia: da prospecção aos bioprocessos”.

São 13 artigos assinados por profissionais da Embrapa, de universidades, empresas e centros de pesquisa brasileiros, a exemplo da Universidade de São Paulo, Universidade Estadual de Campinas, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Universidade de Brasília, Universidade Católica de Brasília, Centro de Pesquisas da Petrobras, Dupont e Fermentec. A publicação também conta com autores de instituições estrangeiras, tais como o Instituto Nacional de Pesquisa Agronômica (INRA – França), o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (ARS/USDA) e a Universidade de Viena (Áustria).

Para Manoel Teixeira Souza Júnior, Chefe-Geral da Embrapa Agroenergia, muitos dos avanços que podem colocar o Brasil em um papel importante no setor de biorrefinarias virão dos microrganismos da biodiversidade brasileira. “É nesse vasto universo que encontraremos as respostas para muitos dos grandes desafios técnicos de hoje e do futuro”, afirma. A alta eficiência e a sustentabilidade dos bioprocessos serão fundamentais para garantir a competitividade no setor, tanto para o processamento das matérias-primas energéticas como dos coprodutos e resíduos.

Para o editor técnico dos Anais e pesquisador da Embrapa Agroenergia, João Almeida, no setor sucroenergético, a introdução de novos bioprocessos para produção de moléculas renováveis enfrenta vários desafios técnicos, econômicos e regulatórios. “Serão necessárias abordagens multidisciplinares para que haja sucesso na implantação de novas rotas de produção industrial de biocombustíveis e químicos sob o conceito de biorrefinarias”, lembra.

A publicação pode ser solicitada gratuitamente à Embrapa Agroenergia, pelo e-mail sac.cnpae@embrapa.br.

Embrapa AgroenergiaInstituto Nacional
Sem categoria