Observatório da Cana publica painel sobre qualidade de cana

Documento traz análises laboratoriais em mais de 130 unidades produtoras

O Observatório da Cana disponibilizou nesta terça-feira (22), painel inédito e interativo com os principais dados de qualidade da cana-de-açúcar. O conteúdo exclusivo traz análises laboratoriais em mais de 130 unidades produtoras operantes e participantes do Sistema ATR.

A iniciativa conta com a parceria do Conselho de Produtores de Cana-de-Açúcar, Açúcar e Etanol do Estado de São Paulo (CONSECANA-SP) e, permite que empresas, produtores e público em geral tenham uma visão agregada por Estado dos fatores que determinam a quantidade de açúcares totais recuperáveis (ATR) na matéria-prima processada.

Dados como os índices semanais, quinzenais e mensais de fibra da cana, pol do caldo, brix do caldo, teor de pureza e a concentração de ATR na matéria-prima estão disponíveis no painel que traz uma visão geral dos dados e informações mantidas pelo CONSECANA-SP.

LEIA MAIS > Segunda onda da Covid-19: o que a Tereos faz para garantir prevenção e segurança nas operações

“Essa modernização reforça a atuação e o trabalho do CONSECANA-SP e da sua Câmara Técnica e Econômica na sistematização e constante atualização dos critérios tecnológicos de avaliação da matéria-prima”, informa.

As usinas e produtores rurais associados podem acessar informações adicionais e detalhamentos específicos na área restrita do Sistema ATR.

Com objetivo de modernizar e ampliar informações do setor sucroenergético, o Observatório da Cana incorpora números, informações e estudos fornecidos pela UNICA, o Centro de Tecnologia Canavieira (CTC), o CONSECANA-SP, o CEPEA-ESALQ/USP e o Laboratório de Análise de Dados (LINEAR).

A iniciativa visa apresentar a produtores rurais, indústria, poder público, imprensa, academia, fornecedores e outros stakeholders um panorama geral sobre o setor sucroenergético em um único local.

“O Observatório da Cana traduz a colaboração que sempre existiu entre centros de pesquisa e o setor produtivo no Brasil. Trata-se de uma rede envolvendo entidades representativas, setor privado e academia em prol de uma maior transparência e disseminação de conhecimento sobre o setor. Ao longo do tempo pretendemos incluir estudos e análise sobre temas setoriais, além de contar com o apoio de novos parceiros”, explica Antonio de Padua Rodrigues, diretor técnico da UNICA.

cana-de-açúcarObservatório da Canasetor sucroenergético
Cometários (0)
Adicione Comentário