Manejo integrado só é viável com amostragem, alerta pesquisadora

Leila Miranda fez o alerta durante apresentação no CANABIO

Não há como fazer manejo integrado de pragas sem amostragens. A afirmação é de Leila Luci Dinardo-Miranda, pesquisadora do IAC e diretora da DM-Lab.

Ela fez afirmação em sua palestra nesta quarta-feira (26/06) no 1º CANABIO.

Quanto de praga há, em qual área, qual o nível de infestação?

“Sem essas informações, é impossível controlar, quando controlar e com o que controlar”, disse ela.

Matriz

Segundo ela, mesmo as amostragens exigem qualidade.

Como fazer uma boa amostragem se a usina tem muitos fornecedores? Leila sugere, por exemplo, usar matriz de manejo de cigarrinha.

“Já sabemos algumas informações, como influencia da cigarrinha em determinadas variedades de cana”, exemplifica.

 

AmostragemCanaBIOIACManejo integradopragas
Cometários (0)
Adicione Comentário