Leilão da Usina Bioenergia do Brasil acontecerá no dia 18 de novembro

Valor mínimo para a compra é de R$ 245 milhões de reais à vista

O leilão para venda da Usina Bioenergia do Brasil será realizado no dia 18 de novembro conforme edital para alienação publicado em 13 de outubro. Localizada em Lucélia – SP, a companhia formará uma Unidade de Produção Industrial (UPI), conforme aprovado em seu Plano de Recuperação Judicial. Não serão aceitas propostas com o valor inferior a R$ 245 milhões de reais à vista.

De acordo com edital, as propostas deverão ser entregues em envelope fechado e protocoladas no escritório do Administrador Judicial, em Campinas – SP, entre 8h e 14h do dia 18 de novembro.

Em plena operação a Usina Bioenergia do Brasil, localizada em Lucélia – SP, foi inaugurada em 1979, durante o Proálcool, e tem capacidade instalada para moagem de 10 mil toneladas de cana-de-açúcar por dia, 800 toneladas de açúcar, 600 m³ de etanol hidratado e 400 m³ de etanol anidro, além de 165 MWh diários. Esta safra deverá atingir a moagem de 1 milhão de toneladas.

LEIA MAIS > Tolerância para pesagem de caminhões é ampliada

A empresa possui um contrato de arrendamento com a Usina Floralco até 2038, com opção de compra e opção de rescisão sem ônus. As duas usinas juntas apresentam grande sinergia, formando um cluster com capacidade de moagem de 22 mil toneladas de cana por dia, capacidade de produção de 1.200m³ de etanol e de 1.400 toneladas de açúcar VHP por dia.

A estimativa inicial de moagem da Bioenergia do Brasil de 1,2 toneladas de cana na safra 2021/22, mas devido às geadas a estimativa atual é de moer 1.018.000 na temporada. A produção de açúcar VHP deverá ser de 80 mil toneladas e a de etanol, 30 mil m³ de etanol, sendo 10 mil m³ anidro e 20 mil m³ hidratado. A usina deverá exportar ainda 20 mil MWh de energia.

SAIBA MAIS > Usina Bioenergia do Brasil irá a leilão em outubro

 

 

 

 

 

 

cana-de-açúcarleilãoUsina Bioenergia do Brasil