Geada, moagem acelerada e importação de etanol. Confira a safra 16/17 em 22 slides da Datagro

A safra de cana-de-açúcar 2017/18 deverá priorizar a produção de açúcar. A afirmação é de Plínio Nastari, presidente da consultoria Datagro, ao responder pergunta do Portal JornalCana durante entrevista online na manhã de terça-feira (09/08).

Segundo Nastari, não existe uma determinação sobre o foco mais açucareiro para a 17/18, “mas por conta dos preços relativos, da possibilidade de se fazer hedge, além dos preços elevados, a safra deverá seguir mais açucareira.”

Nastari, no entanto, diz ser prematuro traçar um cenário para a 17/18. “É preciso observar o desenvolvimento fisiológico da cana até o início da próxima safra”, disse, mas há indicadores que apontar para uma oferta de cana sem previsão de alta, na comparação com a 16/17. Entre esses indicadores estão a taxa de renovação abaixo do ideal, e o avanço de pragas, que afetam também a soqueira.

O Portal JornalCana divulga a seguir 22 slides com informações a partir de levantamentos da Datagro:

1

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

2

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

3

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

4

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

5

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

6

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

7

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

8

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

9

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

10

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

11

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

12

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

13

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

14

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

15

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

16

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

17

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

18

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

19

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

20

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

21

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

22

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

DatagroPlinio Nastari