Cetesb cria Câmara Técnica Sucroalcooleira

O presidente da Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental – Cetesb -, Fernando Cardoso de Rey, acaba de anunciar que a empresa, pertencente ao governo do estado de São Paulo, está criando uma Câmara Técnica específica para o setor sucroalcooleiro. O anúncio foi feito durante cerimônia de reinauguração do setor de laboratórios de análises da regional da estatal em Ribeirão Preto, no interior paulista.

Segundo Rey, a Câmara Técnica terá, por objetivo, discutir a política ambiental de toda a cadeia sucroalcooleira. “Ela será estratégica depois da recente lei estadual sobre o prazo de fim da queimada da cana”, disse.

A Câmara será integrada por representantes da Cetesb, das fábricas de açúcar e de álcool, dos fornecedores da planta e, também, por professores e especialistas do campus da Universidade de São Paulo – USP – de Ribeirão Preto. “O secretário estadual do Meio Ambiente, José Goldemberg, a quem estamos subordinados, quer o envolvimento desses cientistas para provar se a queima da cana é mesmo um problema que afeta a saúde, ou gera apenas incômodo”, explicou.

Sem categoria