CerradinhoBio tem lucro líquido de R$ 439,8 milhões nos nove primeiros meses da safra 2021/22

Resultado e quase três vezes superior ao registrado no mesmo período da safra anterior

A CerradinhoBio anunciou seu resultado operacional relativo aos nove primeiros meses da safra 2021/22. A companhia multiplicou em 2,9 vezes o lucro líquido acumulado em relação ao mesmo período da safra anterior, atingindo o valor de R$ 439,8 milhões.

O aumento da receita líquida acumulada, por sua vez, foi de 53%, totalizando R$ 1.8 milhões, enquanto o Ebitda Ajustado (lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações, excluídos os efeitos da Norma Internacional de Relato Financeiro – o IFRS 16 e receitas/despesas não recorrentes) foi de R$ 795,89 milhões, um crescimento de 68% frente ao acumulado no mesmo período da safra anterior.

LEIA MAIS > Com Programa ReduZa, Raízen garante uso eficiente da água em suas operações
Paulo Motta, presidente da CerradinhoBio

Outro destaque foi na produção de etanol, que alcançou a marca de 586 mil m3, sendo 32% derivado do milho. Na planta de milho, o volume processado foi 22% superior ao mesmo período da safra anterior, evidenciando o melhor desempenho atingido pela Neomille.

Para o presidente da CerradinhoBio, Paulo Motta, os números são reflexo dos investimentos constantes para tornar os processos cada vez mais eficientes.

“Seguimos em um ritmo de crescimento contínuo e sustentado, cumprindo, com disciplina, nosso planejamento. A empresa aumentou a capacidade produtiva e agregou novos conhecimentos e experiências, ao diversificar as matérias-primas e os produtos vendidos, como os coprodutos do milho. Queremos continuar entregando produtos essenciais ao mercado de forma competitiva e dar continuidade ao plano de expansão de produção, superando as metas estabelecidas”, destaca.

CerradinhoBioEtanol de milhoNeomille