BrasilAgro altera plano de recompra de ações

A BrasilAgro – Companhia Brasileira de Propriedades Agrícolas promoveu alteração do Plano de Recompra de Ações. A mudança foi aprovada pelo Conselho de Administração da empresa em reunião em 03/09/2015.

Pela definição, foi aprovada a alteração do Plano de Recompra de ações de 25.06.2015, para aumentar de 698.310 para 3.491.550 a quantidade máxima de ações ordinárias de emissão da Companhia que podem ser adquiridas no Programa de Recompra.

Leia mais: BrasilAgro vende fazenda e tem lucro de R$ 180 milhões

 

Os demais termos do programa permanecem inalterados, conforme a seguir:

(a) Objetivo do Programa de Recompra de Ações: aquisição de ações ordinárias de emissão da Companhia, em Bolsa de Valores, a preço de mercado, para manutenção em tesouraria e posterior alienação ou cancelamento, sem redução do capital social. O Conselho de Administração entende que o Programa de Recompra é conveniente e atende ao interesse da Companhia, tendo em vista o valor atual da cotação das ações da Companhia na BM&FBOVESPA – Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros, a atual conjuntura do mercado de capitais e os recursos disponíveis detidos pela Companhia; 

(b) Quantidade de ações ordinárias de emissão da Companhia em circulação no mercado, conforme definição do artigo 5º da Instrução CVM 10/80: é 34.915.500 (trinta e quatro milhões, novecentas e quinze mil e quinhentas) ações ordinárias ou 60,0% da totalidade das ações ordinárias de emissão da Companhia;

(c) Prazo máximo para a realização das operações objeto do Programa de Recompra: 365 (trezentos e sessenta e cinco) dias a contar de 25.06.2015; e

(d) Nome e endereço das instituições financeiras autorizadas a atuar como intermediárias nas operações objeto do Programa de Recompra: (a) BTG Pactual Corretora de Câmbio, Títulos e Valores Mobiliários S.A., com endereço na Av. Brigadeiro Faria Lima nº. 3729, 10º andar, CEP 04538-133, na Cidade e Estado de São Paulo; (b) XP Investimentos Corretora de Câmbio, Títulos e Valores Mobiliários S.A., com endereço na Avenida das Américas nº 3434, Bloco 7, 2º andar, salas 201 a 208, parte, Barra da Tijuca, Cidade e Estado do Rio de Janeiro, CEP 22631-003; (c) Morgan Stanley Corretora de Títulos e Valores Mobiliários S.A., com endereço na Avenida Brigadeiro Faria Lima nº 3.600, 6º andar, na Cidade e Estado de São Paulo; e (d) Socopa Sociedade Corretora Paulista S.A, com endereço na Avenida Brigadeiro Faria Lima, 1.355, 3º andar, na Cidade e Estado de São Paulo.

biomassaBrasilAgrogovernomercadomoagemprodução