Brasil e Reino Unido assinam memorando de entendimento sobre energias renováveis

Iniciativa visa incentivar o desenvolvimento de tecnologias e soluções

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, participou de uma reunião de trabalho, em formato de videoconferência, na última terça-feira (15), com o Ministro de Negócios, Energia e Crescimento Limpo do Reino Unido, Kwasi Kwarteng.

O encontro serviu para passar em revista temas da agenda bilateral no setor de energia, com ênfase em energias renováveis, tais como biocombustíveis, hidrogênio e energia eólica offshore, bem como trocar impressões sobre a COP-26 da Conferência do Clima, que terá lugar em Glasgow em 2021.

Na ocasião, os ministros assinaram Memorando de Entendimento, que prevê a cooperação bilateral em energias renováveis e transição energética, em áreas tais com desenvolvimento e incentivo de tecnologias e soluções de geração e uso de energia limpa; fortalecimento de estruturas regulatórias em prol de mercados mais eficientes e competitivos, em termos energéticos e ambientais; descarbonização do setor de petróleo e gás, por meio de políticas públicas que incentivem a contabilidade das emissões no ciclo de vida e tecnologias de captura e armazenamento de carbono; e promoção de oportunidades de investimentos em energias renováveis e de baixo carbono.

LEIA MAIS > Bioeletricidade a partir da cana já atende 12 milhões de residências

O ministro Bento Albuquerque enalteceu a tradicional relação entre os dois países no setor de energia e ressaltou as oportunidades que se abrem para a cooperação e os negócios em energias renováveis, no contexto da transição energética para um futuro de baixo carbono, processo no qual Brasil e Reino Unido são referências internacionais.

Já o ministro Kwasi Kwarteng afirmou estar feliz por ter assinado um memorando de entendimento com o Ministério de Minas e Energia do Brasil para expandir e aprofundar a cooperação em energia renovável. Disse ainda que energia limpa é fundamental para lidar com as mudanças climáticas e se mostrou satisfeito pelos dois países estarem fortalecendo a parceria nesse assunto indispensável.

Acesse abaixo o texto do Memorando de Entendimento:

Memorando de Entendimento – Português

biocombustíveisConferência do ClimaCOP-26energias renováveisMinas e Energiarenováveis
Cometários (0)
Adicione Comentário