Açúcar cristal é negociado na casa dos R$ 150/sc

Compradores mostram resistência em aceitar novas altas nos preços do alimento

Na sexta-feira, 15, o Indicador CEPEA/ESALQ do açúcar cristal, cor Icumsa de 130 a 180, mercado paulista, fechou a R$ 150,24/saca de 50 kg, novo patamar máximo da série histórica, em termos nominais – nessa segunda-feira (18), porém, fechou a R$ 149,41/sc, mas ainda com alta acumulada de 4,85% na parcial de outubro.

Já em termos reais, ou seja, considerando-se a inflação, o recorde foi verificado no dia 29 de janeiro de 2020, quando o Indicador atingiu R$ 190,90 (os valores foram deflacionados pelo IGP-DI).

LEIA MAIS > Crise hídrica preocupa em 2022

Segundo pesquisadores do Cepea, ainda que compradores mostrem resistência em aceitar novas altas nos preços do açúcar cristal no spot do estado de São Paulo, agentes de usinas se mantêm firmes nos valores pedidos por novos lotes.

AçúcarCepea