JornalCana

AFCP prevê volta das chuvas regulares nos canaviais no fim do mês e início de agosto

Boletim climático da entidade, indica até a desaceleração atual do El Niño, mesmo com sua tendência ainda de evolução

O novo boletim climático da Associação dos Fornecedores de Cana do Estado de Pernambuco (AFCP), do meteorologista Alexandre Magno, continua apontando a baixa influência do El Niño para redução pluviométrica na Zona Canavieira de PE.

Indica até a desaceleração atual do El Niño, mesmo com sua tendência ainda de evolução, com o pico previsto para outubro – período em que as usinas já estarão moendo a nova safra.

Prevê, ainda, a volta das chuvas regulares no final de julho, depois delas instáveis nas últimas semanas, e que seguirão normais até a primeira quinzena de agosto, devido ao aquecimento das águas oceânicas da costa do Nordeste, do aumento dos ventos e das condições macro favoráveis com base na fase positiva do fenômeno atmosférico chamado Oscilação de Madden e Julian.

LEIA MAIS > Raízen aposta na produção de E2G em seus parques de bioenergia

“Desde que foi anunciado o surgimento do El Niño e de que muitos diziam que a safra seria marcada por seca, o boletim da AFCP, através da expertise de Magno, tem nos apontado o contrário, ou melhor, de que felizmente não enfrentaríamos déficit hídrico no plantio da cana para a nova safra. No final de agosto, por sinal, a usina-cooperativa dos fornecedores de cana vinculados à AFCP, a Coaf, situada em Timbaúba, prepara-se inclusive para iniciar a moagem“, diz Alexandre Lima, presidente da AFCP e também da Coaf.

O El Niño, inclusive, não deve prejudicar nem a próxima safra. Isso se confirmar a previsão do meteorologista-assessor da AFCP também sobre a duração deste fenômeno de macro escala espacial.

“Dá sinais de enfraquecimento, mesmo não estando em sua fase madura, indicando que deve continuar restrito ao longo de 2023 e que pode não evoluir em 2024”, diz Alexandre Magno, no boletim climático.

NOVA PREVISÃO NA AFCP – Em agosto, no dia 21 às 9h, canavieiros associados à AFCP terão a oportunidade de conhecer a nova previsão climática e tirar dúvidas com o meteorologista na associação, localizada na Imbiribeira, em Recife.

 

Boletim Climático AFCP_05_2023

 

 

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram