fbpx

6 destaques da safra 19/20 no Centro-Sul até 01/01

Dados são da UNICA

Foto: Arquivo/JornalCana

JornalCana apresenta a seguir 6 destaques da safra de cana-de-açúcar 2019/20 na região Centro-Sul.

As informações são da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) e incluem também números da produção de etanol de milho.

Os destaques da safra são de unidades produtoras localizadas na região Centro-Sul do País.

 

Leia também: 

Safra de cana no Nordeste avança 12,6% e deve chegar a 50 milhões de toneladas

5 usinas de cana seguem em operação na safra 19/20

Segundo Antonio de Padua Rodrigues, diretor técnico da UNICA, 5 unidades processadoras de cana e 5 de etanol de milho seguiam em operação em 01/01.

Até 31 de dezembro, 253 unidades haviam encerrado suas atividades, contra 267 até a mesma data de 2018.

Nos 15 dias finais de dezembro, 31 unidades produziram etanol, das quais 21 fabricaram etanol de cana, 5 etanol do milho e as 5 restantes utilizaram ambas as matérias-primas.

Moagem na safra 19/20

A quantidade de cana-de-açúcar processada pelas unidades no Centro-Sul somou 733,86 mil toneladas na segunda metade de dezembro.

No acumulado da safra 2019/2020, a moagem alcançou 578,60 milhões de toneladas.

Trata-se de crescimento de 2,86% sobre o valor observado em igual período do ciclo anterior (562,51 milhões de toneladas).

Confira 10 destaques da safra 19/20:

 

1

Dados gerais

 

 

2

Moagem de cana-de-açúcar

 

 

3

Produção de etanol

 

 

4

Fabricação de etanol anidro

 

5

Produção de etanol hidratado

 

 

6

Fabricação de etanol de milho

 

Clique aqui para acessar o boletim da UNICA em PDF

 

Venda de etanol durante a safra 19/20

Em dezembro de 2019, as vendas de etanol pelas unidades produtoras da região Centro-Sul totalizaram 2,67 bilhões de litros.

Desse montante, 120,64 milhões de litros destinados à exportação e 2,55 bilhões de litros ao mercado interno.

O volume comercializado de etanol anidro ao mercado doméstico alcançou 681,86 milhões de litros.

Segundo a UNICA, as vendas de etanol anidro não incorporam as importações totais do aditivo.

E sim apenas o volume registrado via SAPCANA (Sistema de Acompanhamento de Produção Canavieira) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Em relação ao etanol hidratado, a venda mensal segue acima daquela registrada no ano anterior – um comportamento observado em todos os meses da safra 2019/2020.

Em dezembro, foram 1,87 bilhão de litros comercializados no mercado brasileiro, alta de 4,91% sobre o mesmo mês de 2018.

Desse montante, 963,84 milhões de litros correspondem às vendas durante os últimos 15 dias do mês.

“As vendas ao mercado interno permaneceram fortes, mesmo com a redução nos estoques operacionais dos distribuidores em dezembro. Esses agentes historicamente buscam reduzir os volumes armazenados para fins de fechamento contábil no final do ano,” destaca Antonio de Padua, diretor técnico da UNICA.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X